10/08/2017

PROJETO DESVENDA SEGREDO DA VIDA LONGEVA

O Blue Zones Project estuda os hábitos e comportamentos de habitantes de regiões com expectativa de vida superior à média.

Há mais de dez anos, a equipe do Blue Zones Project, da Sharecare, pesquisa o segredo da longevidade. A iniciativa teve como ponto de partida um estudo realizado pelo jornalista e explorador Dan Buettner, da National Geographic, que viajou o mundo a procura de lugares onde as pessoas vivem por mais tempo, mais saudáveis e mais felizes, para descobrir e replicar a “fórmula secreta”.

O projeto identificou regiões em diversos países - Grécia, Japão, Itália, Estados Unidos e Costa Rica - que apresentavam altos índices de longevidade. Em algumas cidades, o percentual de pessoas com mais de 100 anos chegava a ser três vezes superior à média mundial. Através de uma análise detalhada sobre hábitos, comportamentos e interação dos moradores destas localidades com o meio ambiente, foi possível identificar os fatores responsáveis pela longevidade e criado um programa para difundir e enraizar, de maneira planejada, essas condições saudáveis em outras comunidades.

Uma equipe de pesquisadores, formada por médicos, antropólogos, demógrafos e epidemiologistas, descobriu nove características comuns que contribuem para a obtenção de até 12 anos extras de vida, independentemente da localização geográfica. A iniciativa também reuniu as melhores práticas que geram um ambiente saudável e criou mais de 150 protocolos de intervenções e incentivos a fim de replicar as boas práticas que levavam a um melhor bem-estar e, consequentemente, à elevação da expectativa de vida nas comunidades estudadas.



​Ao ser implementado em uma cidade, o Blue Zones Project identifica, a partir de um trabalho em parceria com líderes locais e organizações, mudanças que possam melhorar o estilo de vida das pessoas, desde intervenções urbanas até novas propostas de lei. A solução possui intervenções específicas para lugares variados e as ações podem ser feitas em escolas, mercados, restaurantes, locais de trabalho, entre outros.

​Como resultado da intervenção é possível identificar uma elevação da longevidade, melhoria na qualidade de vida das pessoas, redução nos custos com saúde, aumento de produtividade e a localidade passa a ser reconhecido com um lugar melhor para viver, trabalhar e se divertir. Mas, mais que melhorar a vida dos habitantes de um local específico, o objetivo maior do Blue Zones Project é disseminar a filosofia de uma vida longeva com qualidade e bem-estar.

Conheça a pirâmide do Blue Zones Project:


 

Notícias Relacionadas