Pesquisa UNIDAS traz panorama do setor de saúde suplementar

Estudo aponta o perfil das instituições de autogestão em saúde no Brasil

A pesquisa realizada pela União Nacional das Instituições de Autogestão em Saúde (UNIDAS) tem como objetivo conhecer o perfil das instituições de autogestão em saúde no Brasil. Nesta edição a amostra contou com 44 empresas, com quase 4 milhões de beneficiários, que representam aproximadamente 85% do total de vidas cobertas pelas autogestões. Entre outras informações do setor de saúde suplementar, o levantamento aponta que o custo per capita para cobertura médico-hospitalar variou 24,3%, de 2015 para 2016. Já a variação nos últimos 5 anos foi de 77,3%. O número de beneficiários com 60 anos ou mais ultrapassou 1 milhão, representando 25,9% do total de beneficiários das autogestões, sendo que em 2016 havia 1.588 centenários, predominantemente do sexo feminino (75%). E a taxa de internações por condições sensíveis à atenção primária, também conhecida como “internações potencialmente evitáveis”, atingiu 5,2%.

Visualizar Link

MANTENHA-SE INFORMADO

Receba nosso boletim informativo com iniciativas e informações sobre a Aliança Saúde Competitividade